Lauro de Freitas: médicos do SAMU são demitidos por prefeito

0
387
Foto|MB

Em Lauro de Freitas, região metropolitana, o prefeito decidiu demitir cinco doas sete médicos que atuam no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Estes respectivos médicos atuavam na equipe da Unidade de Saúde Avançada (USA) e possuíam contrato até o dia 31 de dezembro deste ano.

Devido as demissões apenas dois médicos atuarão e, apenas, nos finais de semana. Deste modo, o serviço será interrompido durante a semana em Lauro de Freitas. A justificativa da administração para os respectivos cortes foi a falta de recursos. Segundo informações preliminares a intenção é a contenção de despesas para fechamento das contas.

Representantes dos setores de saúde, como o presidente do Sindicato dos Médicos da Bahia – Francisco Magalhães, manifestaram descontentamento com a decisão, posto que, é um serviço fundamental para o devido atendimento médico de urgência. A prefeitura, até o fechamento desta matéria, não emitiu nenhuma nota justificando as demissões.

Deixar resposta